top of page

O que é a Teoria U e como ela pode melhorar projetos de liderança e inovação

Atualizado: 26 de jul. de 2023

Muitos ainda não ouvirão falar nessa metodologia de projetos, até porque ela é relativamente nova. Estou falando sobre o significado de Teoria U: que é cada vez mais utilizada por empresas que buscam inovar em projetos e definir um novo planejamento estratégico. Aliás, essa é uma excelente dica para projetar o ano de 2023.



Vejo esse modelo mental como uma forma clara de visualizar a inovação pelo próprio desenho da letra U. Como sabemos, essa letra tem um ponto alto, uma descida, uma curva como ponto de virada e uma nova subida. E é com essa simplicidade que você poderá ver como a Teoria U traz novas formas de olhar para a resolução de problemas.


Desenvolvida em 2016 pelo especialista em inovação Otto Scharmer, a Teoria U sugere inicialmente um olhar para o próprio interior, de forma individual. Afinal, para abrir mão de pensamentos obsoletos e criar novos modelos, em primeiro lugar, precisamos reconhecer os padrões que nos prendem ao passado.


Nesse sentido, somos convidados a buscar novas perspectivas à medida que descemos pela vertical esquerda do U para depois subirmos pela vertical direita do U. Essa jornada faz com que colaboradores trabalhem a cultura interna voltada para observação, identificação de problemas e geração de novas soluções inovadoras com novos olhares para o negócio.


Na primeira etapa da Teoria U de Otto Scharmer, temos:


No início da jornada fazemos um reconhecimento (como um download interno) de padrões, comportamentos e ações. Dessa forma começamos uma rota de descida que identifica bem o que é a Teoria U de Otto Scharmer:

  • Suspender: na qual reconhecemos padrões do passado. Ou seja, revisamos como fazemos nossas ações antes de executá-las em nosso dia a dia.

  • Direcionar: um pouco mais abaixo do U existe a visão com novos olhares, ou seja, tentamos enxergar nossas tarefas, demandas e relacionamentos sob novas perspectivas.

  • Sentir: significa sentir o ambiente em que você está inserido. Isto é, entender como você, como indivíduo, se relaciona com o meio em que faz parte. É o momento de observar, sentir, entender o ambiente de sua equipe e organização/empresa, percebendo como suas ações se conectam com o propósito organizacional.

Curva do U

Conectar: depois de suspender padrões, redirecionar a visão e sentir o ambiente, chega o momento de, após toda a análise, se conectar ao novo. É o momento em que a pessoa se prepara para a subida. A base do U é o momento de reflexão e conexão com a fonte do futuro.


Escalada na Teoria U

Ao iniciar a subida, ainda é preciso fazer um novo exercício de escalada no lado direito da letra. O que nos leva a parte final concluindo significado da Teoria U:

  • Cristalizar: aqui chega o momento de se comprometer com nova percepção. Se pensarmos na modelagem de negócios via design estratégico, este é o momento em que você entende o problema e capta um novo meio de resolver um problema.

  • Prototipar: é hora da materialização, quando se torna mais tangível, uma vez que você fez um redirecionamento e entendimento de um problema, você pode decretar a materialização, ou seja, pode apresentar um protótipo de algo para sua equipe, seu cliente ou sua organização. Você vai testar as ideias da mudança.

  • Botar em prática: uma vez testada a nova ideia pelo protótipo, é hora de colocar a mão na massa e desenvolver as novas práticas, com a Teoria U.


Quais os benefícios para a liderança e inovação?

Assimilar mudanças repentinas nem sempre é uma tarefa fácil. Outra dificuldade que muitas pessoas encontram é a de olhar para si, refletir e compreender plenamente antes de sugerir uma ideia pré-concebida.


Mais que isso, escutar o outro também está entre os maiores desafios da convivência em sociedade. Concorda?


Um dos grandes benefícios da ferramenta é a possibilidade de promover mudanças na maneira de pensar e agir dos funcionários. Com isso, é possível implementar novos hábitos e modificar as relações no ambiente corporativo.


Mais uma das vantagens dessa abordagem é o aumento da produtividade. Isso se deve ao fato de que todo o cenário se transforma!


E a liderança se beneficia, pois, com maior conexão entre as pessoas da equipe, a rotina na empresa passa a fluir melhor. A metodologia contribui para:

  • Melhorar a capacidade de escuta no ambiente;

  • Participação e engajamento nas propostas de soluções;

  • Times observadores e colaborativos;

  • “Mente aberta, coração aberto e vontade aberta”, conforme afirma Scharmer.

Efeitos colaterais: Como a Teoria U é um método específio, quem tenta aplicá-lo pulando etapas, sem seguir os passos descritos por Otto Scharmer no livro, pode não ter o resultado esperado.

12 visualizações0 comentário

留言


PUBLICIDADE

bottom of page